tarja

Física ainda é cultura?

Especificação

AutorAndré Ferrer P. Martins
Sumárionone
Degustaçãonone
Páginas300
ISBN9788578610449
Publicação2009
Formato16 x 23 cm
EncadernaçãoBrochura
Edição1
Comprar

Por: R$ 60,00

Preço a vista: R$ 60,00

Aproveite também

  • Há vinte anos, o professor João Zanetic entregava, na Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo, sua tese de doutorado intitulada "Física também é cultura". Passados vinte anos, surge a oportunidade de procedermos a uma espécie de "análise crítica" do ensino da física ao longo desse período. Cabe revisitarmos as reflexões (e provocações) trazidas por aquele trabalho.



    Será que, de fato, caminhamos na perspectiva da concretizaçãode um ensino de física tal como preconizado por Zanetic em sua tese? Que novas questões se descortinam? Para estabelecer um diálogo nessa direção, convidamos vários pesquisadores de diversas instituições do país, a maioria da área de ensino de física. Cada autor teve total liberdade de escolher a sua temática e tecer reflexões a sua maneira, guiado unicamente pelo mote"Física ainda é cultura?"

  • Quem viu, viu também

    • Espiar
      fundamentos-da-fisica-de-neutrons--e82bd5.jpg

      Fundamentos da Física de Nêutrons

      Por R$ 35,00 ou R$ XX,XX à vista
    • Espiar
      de-sol-a-sol-a-energia-no-seculo-xxi-53478e.jpg

      De Sol a Sol: a energia no século XXI
      Autor
      • Cylon Gonçalves da Silva

      Por R$ 65,00 ou R$ XX,XX à vista
      O livro aborda de forma leve e bem-humorada, um dos principais temas da atualidade: nossa relação com a energia. Ele faz também um apanhado geral das diversas fontes de energia que usamos em nosso dia-a-dia, como a hidrelétrica, o petróleo, os biocombustíveis (relevância econômica e energética crescente no Brasil), o carvão e o sol. Analisa as alternativas energéticas viáveis para o futuro: fotovoltaica, eólica, hidrelétrica, nuclear e geotérmica, o impacto no clima e meio ambiente e as consequências socioeconômicas dessas escolhas.
blog comments powered by Disqus