Florestas tropicais do futuro

Se as florestas tropicais primárias são mais essenciais para a conservação da biodiversidade no planeta, por que deveria ser dada importância para as florestas em regeneração?

(Foto: Stokpic/Pixabay)

 

Primeiramente, as florestas em regeneração são o tipo de floresta mais comum nos trópicos em todo o planeta. Somente 19 das 106 nações tropicais (18%) que forneceram dados para a FRA de 2010 declararam ter mais área de floresta primária do que em regeneração, segundo informações da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO).

Para 51 países (48%), as florestas em regeneração ocupavam uma área maior do que as primárias, enquanto 36 países (34%) declararam que as únicas florestas que restam em seu território são aquelas em regeneração.

“Por mais grosseiros e inconsistentes que sejam, esses relatos realçam a importância das florestas em regeneração para mais de 80% das nações tropicais. Sem elas nas paisagens tropicais, corre-se o risco de perder a maioria dos estoques globais de carbono e uma fração significativa das espécies e serviços ecossistêmicos do planeta. Há muita coisa em jogo.”, é o que diz a Professora Robin L. Chazdon no livro Renascimento de florestas (2016).

Entender a regeneração florestal é fundamental

Décadas de pesquisa meticulosa revelaram muito sobre a regeneração das florestas tropicais. É essencial entender do assunto para manejar e restaurar florestas, e para prever as mudanças florestais decorrentes das alterações climáticas.

As florestas em regeneração fornecem habitat para uma vasta gama de espécies animais que dispersam sementes, polinizam flores e realizam interações tróficas.

“Ao entender as trajetórias sucessionais, pode-se diagnosticar melhor as causas da sucessão estagnada e prescrever ações para superar as barreiras que impedem a regeneração natural. É possível aprender com agricultores tradicionais de roçado como enriquecer florestas em regeneração com produtos para uso doméstico ou comercial”, afirma a Professora Robin L. Chazdon.

As florestas primárias de hoje já foram florestas secundárias e, se tiverem uma segunda chance, as florestas secundárias de hoje serão as florestas primárias do futuro.

Tudo a ver

Está disponível em nosso lojão o livro Renascimento de Florestas, escrito pela Professora Robin L. Chazdon. Uma obra essencial para o manejo e restauração de florestas, que vai de encontro a outro importantíssimo livro: o didático e precioso Restauração Florestal, de Ricardo Rodrigues, Pedro Brancalion e Sergius Gandolfi. Não perca a chance de garantir os dois!