Quais os usos dos diferentes níveis de coleta de dados de sensoriamento?

Os níveis de coleta de dados obtidos via sensores colocados em diferentes tipos de plataforma carregadora são os seguintes: laboratório, campo, aéreo e orbital

(Imagem: IFPE)

 

  • Laboratório: utilizam-se radiômetros, que registram a radiação refletida por amostras de plantas, de folhas e de solos, em ambientes onde podem ser controladas as condições de iluminação e de observação.

As informações coletadas em nível de laboratório são utilizadas para auxiliar no entendimento detalhado das interações entre as diferentes variáveis espectrais.

  • Campo: também nesse nível de coleta podem ser utilizados radiômetros, tanto presos em suportes seguros aproximadamente poucos metros acima dos alvos estudados como em guindastes que podem elevar os sensores a cerca de uma dezena de metros de altura.

Neste caso, os veículos com os guindastes hidráulicos são denominados cherry pickers. Os dados coletados nesse nível também visam possibilitar o melhor e mais detalhado entendimento das informações espectrais contidas nas imagens de sensoriamento remoto.

  • Aéreo: esse nível de coleta deve ser subdividido em diferentes altitudes, ou seja, em alta altitude (por volta de 20 km), média altitude (menos de 20 km até 5 km) e baixa altitude (abaixo de 5 km). Os diferentes níveis de altitude podem ser utilizados para simular distintas condições de obtenção de dados e para propiciar melhor entendimento dos comportamentos espectrais dos alvos de interesse. Quanto menores as altitudes, menor a influência atmosférica.

Também é possível incluir aqui os drones, que podem ser utilizados em altitudes da ordem de algumas centenas de metros e que propiciam informações de utilidade por poderem ser empregados no momento em que essas informações forem necessárias, além de seu baixo custo de aquisição.

  • Orbital: nesse nível de coleta, as plataformas são os satélites. Entre as vantagens principais estão a cobertura de grandes áreas e a repetitividade temporal, que são variáveis de alto interesse, principalmente para objetivos de aplicações em agricultura em um país de grande dimensão como o Brasil.

Tudo a ver

O livro Sensoriamento Remoto em Agricultura está disponível em nossa loja. Com ilustrações e gráficos didáticos, imagens de satélite com explicações detalhadas e questões resolvidas para o estudo dos temas apresentados, a obra se revela indispensável para pesquisadores e profissionais ligados à agricultura.