Morre em SP, Ana Maria Primavesi, pioneira da agroecologia no Brasil

Matéria publicada em 13.01.2020

Autora do livro “Manejo ecológico do solo”, lançado em 1979, morreu no domingo passado (5) aos 99 anos.

“Para mim é fascinante como a terra melhora, como a água nasce, como tudo está se desenvolvendo. A minha paixão é o solo, porque tudo depende do solo, inclusive os homens”, disse ela em 2012. (Foto: Divulgação)

A agrônoma e professora Ana Maria Primavesi, percursora da agroecologia no Brasil, morreu neste domingo (5) aos 99 anos em São Paulo. Ela foi enterrada no domingo no Cemitério de Congonhas, na Zona Sul da capital paulista.

Austríaca de nascimento, migrou para o Brasil em 1948 com o marido, quando passou a dar aulas na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Seus livros e ensinamentos viraram parâmetros para cientistas e pesquisadores do país, assim como agricultores.

Sua obra mais famosa é “Manejo ecológico do solo” , que oferece uma série de respostas para inúmeros problemas que surgem diariamente, como: mau aproveitamento dos adubos, efeito cada vez mais pronunciado da seca, deficiências e doenças de toda espécie mas de controle difícil, compactações e adensamentos do solo, encrostamento da superfície do solo após as chuvas, erosão cada vez mais pronunciada, enchentes, mas também a germinação muito deficiente de sementes.

A seguir, uma entrevista dela em 2012 para o programa Globo Rural. Veja!

Fontes: site Ana Maria Primavesi, Globo Rural